Vida de calouro #2: segurança universitária

Com os ventos de verão para fechar – muitos jovens estão se preparando para ir para a faculdade, seja perto de casa ou longe. Isso deixa muitos pensando: “Estarei seguro na faculdade?”.

Esta questão é especialmente importante para os pais de calouros que ficarão fora de casa pela primeira vez. Para esses jovens, ir para a faculdade pode ser sua primeira oportunidade de experimentar um grau significativo de independência. Com essa independência, surge um alto nível de responsabilidade, inclusive fazendo escolhas diárias de segurança. Então, como você pode se preparar para a vida universitária em segurança?

Aqui estão alumas dicas que irão te ajudar no primeiro ano de faculdade.

Prepare e use seu celular.

Antes de chegar a faculdade, programe os números de emergência para o seu telefone para que a ajuda esteja prontamente disponível ao pressionar um botão ou um rápido pedido de ajuda também inclua nesta lista:

  • Polícia da cidade,
  • Escritório de moradias residenciais,
  • Clínica de Saúde.

Deves manter o celular carregado e fique com ele em todos os momentos!

Irmandade e confiança!

Tenha alguém de confiança – um amigo que para sempre te acompanhar em todos locais que visitas dentro ou fora da faculdade, na biblioteca ou na discoteca. Fale sempre para seu amigo, onde vais e quando irás voltar. Isso é importante para preservar sua segurança e te ajudar em caso de emergência, pois alguém está sabendo de todos os seus passos. Os segredos são bons, mas tente fazer isso depois da tua formação, porque por enquanto você precisa de ajuda.

Esteja atento – observe sempre o que se passa ao seu redor.

É de vital importância estar atento ao ambiente e  manter o celular carregado e com ele em todos os momentos! Seja observador enquanto caminhas para a aula, estudando em uma mesa silenciosa nos fundos da biblioteca, tomando banho no dormitório ou estacionando o carro. Se pergunte sempre:

  • Existem pessoas ao meu redor?
  • Esta é uma área bem iluminada?
  • Eu já disse a alguém onde eu estaria e a que horas esperar meu retorno?
  • Eu realmente conheço a pessoa de quem estou aceitando esse passeio para a aula?
  • As minhas portas estão trancadas?

Tranque as suas portas.

Este conceito aparentemente simples é frequentemente ignorado. Isso inclui dormitórios, apartamentos, salas de aula e laboratórios (se você estiver sozinho no seu carro) lembre-se de fechar as portas. Você deve ter o hábito de ter suas chaves prontas quando chegar na porta para evitar atrapalhar por eles. Antes de entrar em um carro, verifique os assentos traseiros. Além disso, NÃO anexe qualquer identificação pessoal em nenhuma tecla.

Beba com responsabilidade.

Vamos encarar … o álcool é acessível na maioria dos campus universitários. Você não deve ver isso como privilégio e abusar do álcool já que seus pais não estarão lá para te dar sermão. Seja responsável e se for possível, sacrifique este prazer momentâneo e abstenha-se.

Isso também significa que se você escolher beber, precisa saber que NUNCA deve ficar atrás do volante de um carro ou andar em um veículo dirigido por outra pessoa que tenha bebido.

Se você é vítima de agressão sexual. NÃO mantenha segredo!

Infelizmente, estupro e agressão sexual acontecem frequentemente em campus universitários. Vários estudos descobriram que 20% a 25% dos estudantes universitários foram vítimas de estupro tentado ou concluído. Quase metade dessas vítimas não contou a ninguém sobre seu ataque – e apenas cerca de 10% relatam isso às autoridades. Porque você pode perguntar? Há uma variedade de razões, incluindo vergonha, sentir-se responsável, culpa ou mesmo medo de se meter em problemas por beber ou consumir drogas.

Calouras universitárias parecem estar em maior risco de serem vítimas de agressão sexual do que os veteranos. De fato, 84% das universitárias que relataram incidentes disseram que as agressões ocorreram nos primeiros quatro semestres. Lembre-se que você nunca poderia ser culpada se algo assim acontecer você. Independentemente das circunstâncias denuncie, procure ajuda!

Proteja-se das mídias sociais.

No mundo digital de hoje, quase todas as ações que você realiza têm o potencial de serem compartilhadas publicamente. Coisas que você pode achar que estão bem ou legal hoje, poderiam muito bem voltar para assombrá-lo. NÃO compartilhe fotos que incluam imagens com potencial para influenciar a sua reputação na faculdade ou universidade, programas de bolsas de estudo ou possíveis futuros empregadores.

Tenha os contatos de seus colegas.

Os estudantes realmente precisam cuidar um do outro. Fique atento aos amigos e colegas, enquanto estiver no campus e procure ajuda quando necessário. Os estudantes no campus estão juntos e cuidando um do outro não faz nada além de melhorar a experiência universitária para todos.

Seja o primeiro a comentar

Comente!